/Cow Parede SP 2017

Cow Parede SP 2017

As vacas invadiram a cidade de São Paulo!!! É isso mesmo que você leu. Está rolando pelas ruas da cidade a 10ª edição da Cow Parede, o maior evento de arte pública do mundo, com o tema: uma viagem pelo mundo.

Esta não é a primeira vez que São Paulo é invadida por um rebanho de vacas coloridas. A última vez foi há 7 anos atrás, mas o evento começou bem antes, há 18 anos, em 1999, e já passou por 84 cidades do mundo. Os organizadores da CowParede estimam que mais de 500 milhões de pessoas já tenham se deparado com pelo menos uma vaca em seu caminho.

cow parede 2017 (2)
A vaca: Estilo Berlim, do artista DOES HDV, homenageando a cidade de Berlim. Localizada na Avenida Paulista.

As esculturas são feitas em fibras de vidro, personalizadas por artistas locais, após uma seleção de projetos por parte dos organizadores e depois são expostas em locais públicos. Este ano o tema foi “Uma Viagem pelo Mundo“, onde cada vaca representa uma cidade ou país onde já aconteceu a CowParede, ou a “Parada das Vacas” alguma vez.

Você já deve ter visto algumas dessas vaquinhas por aí. Elas estão espalhadas por toda a cidade: Avenida Paulista, Oscar Freire, algumas estações de metro e parques. O mapa completo onde você pode encontrar todas as vacas pode ser visto aqui. Em uma simples caminhada pela Paulista você encontra as vacas: Estilo Berlin, a Cowsterdam, a Cowdigo de Barras, a Chocowlate, a Vaca Malhada do Século XXI e a Holy Cow.

cow parede 2017 (5).jpg
A vaca Cowdigo de Barras, do artista Douglas Reis.

Mas, se você, como eu, ficou pensando: Mas, por que vacas?. A explicação é bem simples: “Ela representa coisas diferentes para pessoas diferentes ao redor do mundo: é sagrada, é histórica, mas o sentimento comum é de carinho. Ela simplesmente faz todos sorrirem.”

cow parede 2017 (4).jpg
A vaca: Chocowlate, do artista Kiko Cezar e Luiz Almeida. Homenageando a cidade de Zurique.

Ao termino da exposição CowParede, acontece um leilão e todo o dinheiro arrecadado é revertido para instituições beneficentes. Desde o começo do evento, em 1999, já foram arrecadados e doados o equivalente a $35 milhões de dólares.

cow parede 2017 (1).jpg
A vaca malhada do século XXI, do artista Jotapê. Homenageando a cidade de São Paulo. Localizada no Conjunto Nacional.

Bom, essa é mais uma dica do que ver em São Paulo. Se não conseguir ver nenhuma dessas vacas por ai não desanime, em Junho/Julho será a vez dos elefantes tomarem conta da capital paulistana na Elephant Parede.

E aí, você já se deparou com alguma vacas da Cow Parede? Gostou? Compartilhe sua experiência conosco.

Até mais,

Diego Arena.