Rio de Janeiro

Visita ao Museu do Amanhã no Rio de Janeiro

O Museu do Amanhã, projetado por Santiago Calatrava, foi inaugurado no final de 2015 e está localizado na Zona Portuária do Rio de Janeiro. O museu virou um marco e mudou completamente a área da Praça Mauá. Vem com a gente conferir esse passeio por lá!

O Museu do Amanhã nos faz pensar no futuro, através de tudo que já fizemos na história do nosso planeta, a partir de algumas perguntas: “De onde viemos?”, “Quem somos?”, “Onde estamos?”, “Para onde vamos?” e, “Como queremos viver juntos durante os próximos cinquenta anos?”. Foi a partir dessas perguntas que todo o museu foi pensado.
O passeio pelo Museu do Amanhã começa antes mesmo de entrarmos. Na praça Mauá ficamos extasiados admirando a arquitetura do edifício, com sua estrutura metálica em balanço. 

Museu do Amanhã

“A ideia é que o edifício se sinta etéreo, quase flutuando sobre o mar, como um navio, um pássaro ou uma planta. Devido à natureza em mudança das exposições, nós introduzimos uma estrutura arquetípica dentro do edifício. Esta simplicidade permite a versatilidade funcional do Museu, capaz de acomodar conferências ou agir como um espaço de pesquisa”, Santiago Calatrava.

O museu possui dois pavimentos. Após entrarmos e passarmos pela bilheteria, subimos até o primeiro pavimento, onde fica a exposição permanente. É por lá que todo passeio começa e as perguntas começam a ser respondidas, ou melhor, começam a nos fazer pensar para nós mesmos respondermos. Em todas as áreas do museu podemos interagir com as obras e responder alguns quizzes

Neste post contarei apenas alguns detalhes, pois tem coisas muito interessantes que é legal vivenciar in loco.

Museu do Amanhã – Exposição Permanente

A exposição permanente pode ser dividida em 5 partes. A primeira parte é chamada de Cosmos e responde a pergunta: “Como chegamos aqui?”. Lá aprendemos sobre a história do universo, desde o Big Bang até a humanidade, em um vídeo em 360 graus.  A segunda parte é Terra, dividida em três categorias: Matéria, Vida e Pensamento. Esta parte responde a pergunta: “Quem somos?”.

Terra

A terceira parte é Antropoceno, respondendo a pergunta: “Onde estamos?”. 

Antropoceno

A quarta parte é Amanhãs, respondendo “Para onde vamos?”. Nesta etapa somos convidados a participar de um jogo para calcular a nossa pegada ecológica. O jogo nos mostra o quanto usamos do planeta Terra, quais são as maiores áreas da nossa pegada e o que podemos fazer para melhorar estes índices. Bem interessante.

Na quinta e última parte, chamada de Nós, a última pergunta tenta ser respondida “Como queremos ir?”. Nesta etapa nos deparamos com uma estrutura de madeira iluminada com uma estrutura no centro.

Nós

Depois da Exposição Permanente

Depois de conhecer a exposição permanente chegamos no fundo do museu, onde temos uma vista bem legal da Ponte Rio Niterói e da Baía de Guanabara. Este é um ponto do museu que as pessoas geralmente sentam nos bancos e ficam admirando a vista e tirando várias fotos.

Vista para Ponte Rio Niterói

Após isso, descemos até o térreo, onde há um auditório com 400 lugares, um café/ restaurante, uma loja de presentes/ souvenires e uma área para exposições temporárias. É ali que fica também a administração do museu e instalações educacionais e de pesquisa. Ahhhh, no lobby do Museu do Amanhã, bem em cima da bilheteria podemos ver um enorme globo terrestre, que nos mostra várias coisas interessantes, como tsunamis, furações e temperaturas da terra. 

Globo Terrestre

Saímos pela parte de trás do museu e fomos explorar mais seu entorno. Fotos e mais fotos, difícil escolher uma para postar. Lotar o cartão de memória de fotos fica fácil em uma visita por ali. 

Fundos do Museu do Amanhã

Horário de Funcionamento e Preços

O Museu do Amanhã funciona de terça à domingo das 10h às 18h, com entrada até as 17h.

Os ingressos podem ser adquiridos on-line, com horário marcado no site do museu. Todas as terças feiras a entrada é gratuita. O ingresso custa R$20 e a meia R$10 (preços abril/2018).

Localização do Museu

O Museu do Amanhã está localizado na Zona Portuária do Rio de Janeiro, em frente à Praça Mauá. Além disso ele fica próximo à diversos pontos importantes, como o Museu de Arte Rio (MAR), o Boulevard Olímpico, onde podemos ver o Mural Etnias – feito por Eduardo Kobra, o AquaRio, o CCBB-RJ entre outros. Vale bastante a pena explorar a região.

Planejando sua Viagem

Organize e planeje sua viagem através do nosso blog. Temos parcerias com algumas grandes empresas, que possuem ótimos preços e serviços de qualidade. Utilizando os serviços acima através do Uma Viagem Diferente, você ajuda a manter o blog no ar e ainda garante o melhor preço. Economizando na sua viagem!

HOSPEDAGEM → Garanta o melhor preço com o Booking.com
ALUGUEL DE CARRO → Alugue um carro com a Rentcars
SEGURO VIAGEM → Viaje com segurança com a SegurosPromo
PASSAGEM AÉREA → Encontre passagens baratas com a PassagensPromo

Bom, essas são algumas dicas do que fazer em Rio de Janeiro. E você já conheceu ou quer conhecer o museu? Curtiu? Compartilhe sua experiencia conosco.

Hasta luego e até o próximo post.

Diego Arena

Diego

Veja os comentários

  • Visitei no inicio do ano passado e adorei a experiência! Obrigada por me resgatar ótimas lembranças.

  • Lugar realmente extraordinário, quando visitei o Rio o museu ainda não existia, preciso voltar pra conhecer toda a mudança ocorrida pós-Olimpíadas. A arquitetura desse museu é impressionante. Lindo post. Obrigado por compartilhar.

  • Este é um lugar que ainda preciso visitar no Rio. Já vi a espetacular obra por fora, mas não foi possível entrar em minha última visita ao Rio. Em Junho estarei por ai de novo, então, quem sabe?! Eu não sabia das premissas para o nascimento do museu e ao tomar conhecimento ele mudou de significado para mim, tornando mais intensa minha vontade de visitar. :)

  • O Museu do Amanhã é incrível. Só o seu prédio, tão diferente e ao mesmo tempo bonito, é demais. Gostei muito do post, super explicadinho. Me senti passeando de novo pelo museu.

  • O museu em si já é bem interessante com sua exposição permanente, mas fica ainda mais legal quando se aproveita o entorno.

  • É sempre inspirador ver o que já vimos pelos olhos de outra pessoa. Notamos detalhes que deixamos passar, percepções diferentes das nossas, que completam a experiência que memorizamos. Show de artigo.

Posts recentes

Sampa Sky: o mais novo mirante de São Paulo

O Sampa Sky, o mais novo mirante de São Paulo, localizado no 42º andar do…

30/07/2021

Roteiro 15 dias Califórnia e Las Vegas

Conhecer a Califórnia é o sonho de muitos brasileiros. Mas, montar um roteiro não é…

15/07/2021

O que fazer na Romênia: dicas de viagem

[Post por Um Viajante Diferente] Quando se fala em Romênia, automaticamente, muitas pessoas associam à…

10/07/2021

Conhecendo o Parque das Aves em Foz do Iguaçu

Geralmente quem viaja para Foz do Iguaçu faz uma viagem mais curta, focada em conhecer…

15/06/2021

10 Museus para Conhecer no Rio de Janeiro

A cidade do Rio de Janeiro possui uma infinidade de atrações culturais e museus, muitos…

11/06/2021

Lugares Românticos para passar o dia dos Namorados

Dia 12 de junho chegando e vários casais apaixonados começam a pensar o que fazer…

01/06/2021