Categorias: Singapura

O que fazer em Singapura: Roteiro de 4 dias

Sai às 7 horas da manhã de Kuala Lumpur, de ônibus, e às 14h estava no centro de Singapura. A previsão era do ônibus chegar às 12h, mas, a imigração na fronteira demorou muito. Estava lotado e, a fiscalização é bem intensa, onde todas as malas passam no raio-x e detector. Vem com a gente conferir o que fazer em Singapura?!

O que fazer em Singapura

Dia 01 – Chinatown e Show das Árvores

Logo que sai do ônibus fui procurar um lugar para almoçar, estava com muita fome. Encontrei um lugar chamado Heritage Food Street, uma praça de alimentação no subsolo de um hospital, com diversas opções de comidas.

Almocei e fui para o hostel, em Chinatown. Tomei um banho, deixei a mala e fui passear. Andei um pouco pela região, que tem muitas lojas (ótimas para comparar souvenires e bugigangas) e diversos bares e restaurantes.

Chinatown

Peguei o metrô e segui até o Gardens by the Bay. Eu tinha visto pelo celular que nos próximos dias a previsão seria de chuva e, como o tempo estava bom, resolvi ir até a SuperTree Grove e conferir o Show das Árvores, que é uma das principais atrações da cidade. O show é incrível e não pode ficar de fora de nenhum roteiro.

Show no Gardens by the Bay

Depois do show, jantei no The Shops e voltei para o hostel descansar.

Dia 2 – Gardens by the Bay

Comecei o segundo dia conhecendo o Sri Mariamman, um templo hindu com uma fachada bem colorida, que fica bem perto da rua principal de Chinatown. Alguns quarteirões dele, está o templo budista mais famoso da região, o Budda Tooth Relic Temple. Um templo bem grande, com 5 pavimentos, onde dizem estar o dente sagrado do Buda.

Buddha Tooth Relic Temple
Buddha Tooth Relic Temple

Peguei o metro e segui ao Gardens by the Bay. Este dia estava praticamente todo separado para conhecer todas as atrações dos Jardins: a Cloud Florest (Floresta Nublada), a Flower Dome (Abóboda da Flor), a Floral Fantasy (Fantasia da Flor), a SuperTree Grove e o OCBC Skywalk (Super Árvore e passarela). Foi um bom dia para conhecer os Jardins, choveu o dia todo, e como as atrações são cobertas foi uma boa escolha.

Vista para a Cachoeira
Flor Rosa

Após visitar todas as atrações, a chuva tinha dado uma trégua. Fui até a Helix Bridge, uma ponte projetada por Philip Sutton Cox, que é usada exclusivamente para pedestres que liga o Marina Center a Marina South na área de Marina Bay.

Helix Bridge

Passei em frente ao Art Science Museum, o Museu de Artes e Ciências projetado pelo arquiteto Moshe Safdie. Não entrei pois já estava fechado.

Entrei no The Shoppes, que fica no Complexo do Marina Bay Sands, um shopping gigante repleto de lojas de grife. No interior deste shopping há uma área para andar de gôndolas, igualzinho ao Hotel Venetian de Las Vegas, e ao Villaggio Mall, em Doha.

À noite, fiquei por ali para ver o Show das luzes na água. Uma parada obrigatória a todos os turistas que visitam a cidade. O show é incrível e vale muito a pena!

Show de Luzes na Marina Bay

Do outro lado do lago, está o Merlion, uma escultura de um ser, metade peixe e metade leão, considerado como o símbolo da cidade. De lá podemos ver o Hotel Marina Bay Sands com sua cobertura, que lembra um barco. É na cobertura que está a piscina mais alta do mundo, com borda infinita e vista para o Gardens by the Bay.

Para ver a piscina e a vista lá de cima você precisa ser hóspede. Mas, na cobertura funcionam alguns restaurantes e bares. Deles conseguimos ter uma vista bem bacana.

The Merlion

Para terminar o dia, fui jantar no Clarck Quai, uma área da cidade que é repleta de restaurantes e bares. Lotada praticamente todos os dias da semana.

Clarck Quay Singapura

Dia 3 – Os bairros temáticos de Singapura

Saí do hostel, em Chinatown, com destino ao bairro árabe da cidade. Pelo caminho passei por um prédio que me chamou a atenção pelos seus jardins. Tirei algumas fotos e continuei caminhando.

Prédio em Singapura

Andando mais um pouco, parei para fotografar outro prédio, o Old Hill Street Police Station, com as janelas todas coloridas e a Catedral Chijmes.

Museu

Já no bairro árabe, segui até a Arab Street, uma rua com diversas lojas de souvenires e restaurantes que vendem comida típica, e a Mesquita Masjid Sultan. Não é permitido entrar na mesquita de tênis (devem ser deixados do lado de fora), e não é permitido entrar de saia, shorts e roupas decotadas ou que mostrem os ombros, mas, neste caso, eles emprestam uma veste para usar enquanto visita a mesquita.

Eu na Arabic Street

Após o Bairro Árabe segui até o Bairro Indiano, chamado de Little Índia, onde o ponto principal para ser visitado é a mesquita Abdul Gaffoor Mosque. Pela região há diversas lojas, a grande maioria delas com fachadas bem coloridas.

Masjid Abdul Gaffoor

Depois segui até o National Museum of Singapore (Museu Nacional de Singapura), o War Memorial (Memorial de Guerra), a Fairmont Singapore (a Roda Gigante da cidade), a Explanade Theatre (um prédio bem moderno onde acontecem diversos shows e concertos), e ao Orchad Road, a rua de compras mais famosa de Singapura.

Fórmula 1 em Singapura
Esplanade Theathres Singapura

Bem perto da Espanade Theathers está a arquibancada que a galera usa para ver a Fórmula 1. De lá, temos uma vista bem bacana do Marina Bay Sands, do The Shoppes, da Hélix Bridge e do Art Science Museum.

Skyline Marina Bay Sands

Dia 4 – Universal Studios Singapura

Separei o 4º, e último dia por Singapura para ir à Ilha de Sentosa. Na ilha há diversas praias, um parque aquático (Adventure Cove), um aquário (S.E.A Aquarium), diversos restaurantes como o Hard Rock Café e o Din Tai Fung, além de diversos Hotéis e Resorts e, o parque da Universal Studios.

Para chegar em Sentosa há duas opções: metro + monotrilho ( que foi o que fiz) ou metrô + teleférico (um pouco mais caro).

Passei o dia inteiro no Parque, que, embora com muitos turistas, estava com bem tranquila e com poucas filas nos brinquedos. Contarei mais sobre o Parque em um post específico, fique de olho.

Algumas fotos no Parque:

Universal Studios Singapura

Eu e o Minion

À noite jantei e fui descansar. No dia seguinte bem cedo fui ao Aeroporto Internacional de Changi – Singapura, considerado o melhor aeroporto do mundo, e um dos cartões postais da cidade, com a maior cachoeira indoor já construída. O lugar é demais. Vi várias pessoas que não iam viajar indo até o aeroporto apenas para conhecer a cachoeira.

Cascata Aeroporto Changi

Era hora de seguir até a última parada pela Ásia: Bali, na Indonésia. Assunto para um próximo post!

O que não fazer em Singapura

Antes de viajar para Singapura tinha lido em diversos lugares: em Singapura não pode atravessar fora da faixa de pedestre, se a polícia ver você leva multa. Não é permitido o consumo de chicletes pelas ruas. Bebidas, só em ambientes fechados. Jogar qualquer tipo de resíduo e lixo no chão é multa. Fumar então? Nem pensar!

De fato, a cidade é bem limpa e muito organizada. Mas não achei que é do jeito que tinha lido, vi bastante gente fumando pelas ruas, e atravessando a rua fora da faixa e ainda no sinal vermelho. Mas, é bom sempre ficar de olho, e evitar essas coisas.

Hotéis em Singapura: Onde se hospedar?

A cidade de Singapura possui diversas opções de hospedagem, para todos os tipos de pessoas e bolsos. O Hotel mais famoso e desejado pelos viajantes é o Hotel, 5 estrelas, Marina Bay Sands. Separei neste post algumas opções, além do MBS, todas linkadas para o Booking, onde podemos ver mais informações e preços.

Hotéis 5 estrelas: Marina Bay Sands, Swissotel The Stamford, Swissotel Merchant Court Singapore, Park Royal Collection e Pan Pacific Singapore.

Hotel Marina Bay Sands

Opções de hotéis 4 estrelas: Hotel Boss, Hilton Garden Inn Sigapore Serangoon, Holiday Inn Express Clarck Quai, Rendezvous Hotel Singapore e Destination Singapore Beach Road.

Hotéis 1, 2 e 3 estrelas: Robertson Quay Hotel, The Quay Hotel, Ibis Singapore on Bencoolen, YMCA One Orchard e Ibis Bidget Clarck Quay.

Hostels: Thads Boutique Hostel, Blue Jazz Hostel, CapsulePod, e SpacePod.

Preciso de Visto para visitar Singapura?

Brasileiros não precisam de visto para visitar Singapura, se estiverem a passeio por até 90 dias.

Preciso de Seguro Viagem?

Mais uma dica: Vai para a Singapura? Não deixe de fazer o seguro viagem. A Ásia é responsável por um dos maiores acionamentos de seguro, geralmente por pessoas passando mal devido a alimentação. A Seguros Promo sempre tem ótimas promoções, e por esse link, tem desconto. 🙂

Planejando sua Viagem à Singapura

Organize e planeje sua viagem através do nosso blog. Temos parcerias com algumas grandes empresas, que possuem ótimos preços e serviços de qualidade. Utilizando os serviços abaixo através do Uma Viagem Diferente, você ajuda a manter o blog no ar e ainda garante o melhor preço. Economizando na sua viagem!

HOSPEDAGEM → Garanta o melhor preço com o Booking.com
CHIP DE INTERNET → Já saia do Brasil com chip de internet com a Viaje Conectado
SEGURO VIAGEM → Viaje com segurança com a SegurosPromo
PASSAGEM AÉREA → Encontre passagens baratas com a PassagensPromo

Bom, essas são algumas dicas do que fazer em Singapura. E você já conheceu ou quer conhecer o lugar? Curtiu? Compartilhe sua experiência conosco.

Hasta luego e até o próximo post.

Diego Arena

Diego

Veja os comentários

  • Singapura está muito na minha lista de destinos. Tenho amigos que moram lá e sempre nos chamam para passarmos uns dias. Este texto sobre o que fazer em Singapura num roteiro de 4 dias, aguçou ainda mais minha vontade! :)

    • Já começa a programar essa viagem ai! Ainda mais com amigos pela cidade!
      Tenho certeza que quando for vai curtir demais Singapura! Vale super a pena! :D

  • Gostei do seu roteiro com o que fazer em Singapura. Eu na altura só fiquei dois dias na cidade. Acabei por me arrepender porque há imensa coisa para ver e fazer. Gostei das suas dicas.

    • Dois dias da pra fazer só o principal né? Conhecer o Gardens by the Bay, o Marina Bay e alguns outros pontos!
      Singapura tem vários cantinhos bem legais para serem explorados! :D

  • Quero muito conhecer Singapura, o seu roteiro deixou-me ainda com mais vontade de explorar esse país lindo.

    • Singapura é muito interessante! Espero que você consiga ir para lá um dia! Vai curtir demais! :)

  • Adorei seu roteiro de 4 dias em Singapura. Nós ficamos 20 dias lá fazendo house sitting e fizemos isso de maneira mais espaçada mas adorei a maneira que dividiu as atrações :) deu saudades!

    • Caraca, 20 dias em Singapura? Deve ter sido incrível e ter conhecido lugares bem únicos e nada turísticos! :D

  • Nossa Singapura deve ser incrível. Amei este roteiro de 4 dias. Você fez qual outro destino nesta viagem?

    • Eu fiquei quase dois meses pela Ásia, foram: Tailândia, Vietnan, Hong Kong e Macau, Malásia, Singapura e Indonésia.
      Ainda tenho bastante dica para escrever sobre essa trip haha. Foi MUITO incrível!

  • guri do ceu essa cidade é maravilhosa né, que saudade!!! eu fui em 2013 e tem tantas atrações novas, estava planejando ir ano que vem, mas agora só 2022 mesmo. tenho uma amiga que mora lá e diz que ama, isso q ela morou em londres por muitos anos

    • Singapura é demais! Me apaixonei por essa cidade!
      Difícil comparar Londres com Singapura, hahah, são bem diferentes, mas ambas incríveis!

  • Singapura já estava na minha lista e sua postagem me fez colocá-la no topo. Adorei as dicas.

Compartilhe
Publicado por
Diego

Posts recentes

O que fazer em Embu das Artes

Embu das Artes, localizada à aproximadamente 30 quilômetros de São Paulo, é uma cidade bastante…

27/11/2020

Viagem internacional à prova de falhas: o que levar na bagagem

[Post por UM VIAJANTE DIFERENTE] Viajar para outro país é um dos principais objetivos de…

26/11/2020

Itens imprescindíveis para viajar

[POST POR UM VIAJANTE DIFERENTE] Uma das maiores saudades de algumas pessoas é viajar, pois…

25/11/2020

Um dia em Capitólio, Minas Gerais

Capitólio, localizada às margens do Lago de Furnas, se tornou uma das cidades mais procuradas…

12/11/2020

Roteiro de 16 dias pela Tailândia

Durante um roteiro de quase dois meses pela Ásia, onde passei por 9 países (Qatar,…

10/11/2020

Como é se hospedar no Hotel de Sal em Uyuni

Quando fechei o tour de 4 dias para o Salar de Uyuni, saindo e voltando…

05/11/2020