/Um dia em Porto Alegre

Um dia em Porto Alegre

Com apenas uma tarde para conhecer Porto Alegre. Enquanto esperava o horário de voltar para São Paulo, depois de um dia de trabalho em Santa Maria, consegui um roteiro bem legal para conhecer o centro da cidade em pouco tempo.

O clima na cidade estava bem nublado e as vezes até chovia um pouco, mas nada me impediu de dar uma volta por Porto Alegre. Como estava de carro, decidi primeiro passar na Fundação Iberê Camargo, um museu bem interessante projetado pelo Arquiteto Alvaro Siza, porém, só descobri quando cheguei que o Museu estava fechado e só abriria aos finais de semana (estão reformando). Uma hora preciso voltar para conhecer o interior dele.

Fundação Iberê Camargo.jpg
Fundação Iberê Camargo

Depois decidi ir ao Centro Histórico da cidade. No caminho, passei em frente ao Estádio Beira-Rio, ou Estádio José Pinheiro Borda, pertencente ao time do Internacional, onde aconteceram alguns jogos da Copa do Mundo de 2014, também situado as margens do Lago Guaíba. Um estádio bem bonito.

estadio-beira-rio
Estádio Beira Rio

Já no centro Histórico, comecei o passeio pelo Mercado Público Central, construído em 1869. Nele, além de diversas lojas de hortifrúti e restaurantes/ cafés,  funciona uma Central de Informações Turísticas. Lá peguei um mapa, algumas dicas para um roteiro rápido com vários pontos importantes e saí para conhecer, antes da chuva .

mercado-central
Mercado Público Central

Ao lado do Mercado Público Central está o Paço Municipal, projetado por Luís Carrara Colfosco, onde desde 1901 funciona a Prefeitura Municipal da cidade de Porto Alegre. Depois segui até a Praça da Alfândega, uma das praças mais famosas e importantes da cidade, onde fica o primeiro Prédio da Alfândega, o Santander Cultural e o Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli.

Um dos pontos mais interessantes deste pequeno tour foi passar pela Casa de Cultura Mário Quintana, com este nome para homenagear um dos maiores poetas brasileiros, que viveu ali de 1968 a 1980, onde antigamente funcionava o Hotel Majestic, construído entre 1910 e 1930. Hoje, no local, funciona um centro cultural, com espaço para exposições, teatro, cinema, e um café. No 5º andar, há um terraço chamado de Jardim Lutzenberger.

Na mesma rua, ao lado dos edifícios onde funciona o Setor do Exército e Marinha, está a Igreja Nossa Senhora das Dores, uma igreja bem imponente com suas escadarias.

igreja-nossa-senhora-das-dores
Igreja Nossa Senhora das Dores

O último ponto visitado foi onde antigamente funcionava o Gasômetro, e hoje abriga um dos Centros Culturais mais importantes da cidade (não havia nenhuma exposição quando fui). Todos falam que o por do sol, as margens do Lago Guaíba, neste ponto da cidade é imperdível.

Depois disso tudo já era hora de ir ao Aeroporto Internacional Salgado Filho, e no caminho até lá, ainda pude ver mais um belíssimo estádio, a Arena do Grêmio. Uma pena estar nublado.

arena-do-gremio

Bom, essas são algumas dicas do que fazer em pouco tempo em Porto Algre. E você já esteve por lá? Curtiu? Compartilhe sua experiência conosco!

Até o próximo post,

Diego Arena