Conhecendo as Praças e Parques de Belém do Pará

Na primeira visita à capital paraense pude conhecer diversos pontos importantes e turísticos da cidade, como contei neste post. Nesta segunda visita, que também foi a trabalho, consegui passar por algumas praças e parques de Belém, bem bonitos e que me surpreenderam. Não conheci todos em um único dia, mas é bem possível fazer um roteiro englobando todos eles. E aí, vamos conhecer os Parques de Belém?

Roteiro passando por 4 Parques de Belém:

Bosque Rodrigues Alves, o Jardim Botânico da Amazônia.

O Jardim Botânico de Belém é uma área de preservação ambiental, que foi inaugurado à bastante tempo, em 1883, e que abriga mais de 80 mil espécies de flora e fauna. O bosque possui tantas arvores, que assim que você passa pelo seu portão pensa: Cadê o calor de Belém? Você literalmente entra em um pedaço da Floresta Amazônica.

Logo na entrada do Bosque você se depara com duas figuras que protegem o local, os guardiões da floresta: Curupira e o Mapinguari. Eles estarão de olho em tudo que você fizer pelo Bosque. Tome cuidado.

Um dos locais mais legais dentro do Bosque é o Lago da Iara, outro ser folclórico. Será que vai encontrá-la por ai?

Jardim Botânico da Amazônia

Há vários animais por ali: preguiça, iguana, tartarugas, garças, jacaré, araras e até um peixe-boi. Praticamente um zoológico haha. As crianças se divertem. A grande maioria dos animais ficam soltos, então é bem comum você ouvir um barulho e quando olhar para cima avistar um macaco andando pelas árvores, ou pássaros voando ou uma garça te seguindo.

Ahhh… O ingresso para visitar todo o complexo custa R$2,00.

Praça Batista Campos

A Praça Batista Campos, inspirada na belle epoque parisiense, foi um verdadeiro achado. Nela, cinco lagos são interligados por pontes de madeira. E entre pontes e caminhos sob grandes árvores podemos esquecer um pouco onde estamos e do calor de Belém. No horário do almoço e ao final da tarde o local fica bem cheio, com pessoas descansando, lendo um livro, fazendo caminhada e exercícios.

Portal da Amazônia

O Portal da Amazônia não é bem um parque, ainda. Criado às margens do Rio Guajará, como uma área de requalificação das margens do rio, é um espaço com área verde, espaços de convivência, práticas de exercícios como corridas, caminhadas etc.

Além de espaços para contemplação que avançam sobre o rio Guajará, com bancos e decks, ideais para ficar admirando o rio e o céu. Todos falam que o por do sol deste ponto da cidade é incrível.

Geralmente
Parques de Belém
Decks – Portal da Amazônia

Mangal das Garças

O Mangal das Garças foi inaugurado em 2005 e é resultado da revitalização de uma área de cerca de 40.000 metros quadrados às margens do Rio Guamá.

Conhecer o Mangal não é um passeio tão rápido se você quiser conhecer tudo o que ele tem a oferecer. A entrada ao Parque é de graça, você só paga se quiser conhecer a Reserva José Márcio Ayres (Borboletário) e o Farol de Belém. Como fui quase no final da tarde, optei por deixar esses dois locais para uma próxima visita e conhecer o restante do Mangal.

Logo na entrada vemos o Armazém do Tempo, um antigo galpão pertencente a ENASA (Empresa de Navegação da Amazônia), usado como oficina mecânica para reparo de embarcações. Sua estrutura metálica foi transferida para o Mangal e passou a abrigar uma área para exposições e algumas aulas.

Parques de Belém
Mangal das Garças

Andando pelo Mangal podemos conhecer também: a Escultura Vitória Sônia Eding, a Praça Murmúrio das águas, a Fonte dos Caruanãs, o Museu Amazônico da Navegação, o Mirante do Rio ( estava em obras), o Viveiro das Antigas, o Recanto da Curva, a Ilha da Preguiça (cheiaaa de garças) no meio do Lago do Cavername, o Recanto dos Lagos e Recanto da Margem. Um lugar lindo não é mesmo?

Mapa com um roteiro passando pelos 4 parques de Belém visitados:

Planejando sua Viagem

Organize e planeje sua viagem através do nosso blog. Temos parcerias com algumas grandes empresas, que possuem ótimos preços e serviços de qualidade. Utilizando os serviços abaixo através do Uma Viagem Diferente, você ajuda a manter o blog no ar e ainda garante o melhor preço. Economizando na sua viagem!

HOSPEDAGEM → Garanta o melhor preço com o Booking.com
ALUGUEL DE CARRO → Alugue um carro com a Rentcars
SEGURO VIAGEM → Viaje com segurança com a SegurosPromo
PASSAGEM AÉREA → Encontre passagens baratas com a PassagensPromo

E você já esteve em algum desses Parques de Belém? Curtiu? Compartilhe sua experiência conosco.

Até o próximo post
Diego Arena

20 comentários em “Conhecendo as Praças e Parques de Belém do Pará

  • 14/08/2017 em 12:22
    Permalink

    Que lindos! Amei suas fotos e suas dicas. Ainda não conheço Belém do Pará, mas morro de vontade de fazer essa visita! Meu marido já conhece e fala muito bem… Apesar de sempre dizer que é o lugar mais quente que ele já passou nessa vida kkkk…

    Resposta
  • 15/08/2017 em 08:56
    Permalink

    Fui para Belém quando era criança não me lembro muito de lá, os parques que você mostrou são bem muitos, não imagina um lugar lá assim, só pensamos em praia quando falamos do nordeste né?

    Resposta
  • 15/08/2017 em 11:05
    Permalink

    Não tive a oportunidade de conhecer o norte de nosso País, mas com certeza Belém do Pará vai esta em meu roteiro. Belíssimas essas praças em especial a Batista Campos. Gostei muito, Parabéns pelas dicas!

    Resposta
  • 15/08/2017 em 13:06
    Permalink

    OIha só que lugares lindos! Sabes que meu pai nos cutucou estes dias para irmos a Belém e começou a vontade, hehehehe. Agora, vendo estes lugares, está me dando mais ainda. Vamos começar a planejar. Obrigada!

    Resposta
  • 16/08/2017 em 02:49
    Permalink

    Ah, Belem do Pará <3 ta na minha lista, é um velho sonho! quero muito ver ao vivo essas belezas todas! esperando aquela promo de passagem 🙂

    Resposta
  • 16/08/2017 em 03:33
    Permalink

    O Mangal das Garças parece super lindo!!
    Não conheço essa região do Brasil, mas pretendo conhecer. É sempre bom incentivar o turismo em nosso próprio país, né?

    Resposta
  • 17/08/2017 em 15:03
    Permalink

    Que delícia conviver com os animais livres. Esse pássaro de bico muito longo e penas coloridas, de que espécie é? Lindas dicas e fotos

    Resposta
  • 17/08/2017 em 21:07
    Permalink

    Que lindos esses lugares. Ainda não conheço Belém, então já anotei tudo para quando eu for.

    Resposta
  • 18/08/2017 em 11:09
    Permalink

    Adorei o post!!! Belém sempre foi uma cidade que não tinha vontade de conhecer… Mas vendo as fotos me atiçou a curiosidade… Agora quero conhecer!!! Obrigada!!!

    Resposta
  • 18/08/2017 em 11:58
    Permalink

    Amei esse post! Me levou de volta à essa cidade maravilhosa que é Belém do Pará. Visitei Belém há alguns anos e me encantei completamente, mas muitos desses parques não conheci. Preciso voltar!

    Resposta
  • 18/08/2017 em 21:26
    Permalink

    Adorei conhecer os parques e praças de Belém… Como eles são bonitos e bem preservados! Achei o Jardim Botânico especialmente interessante, principalmente por saber que ajuda a amenizar o calor. 🙂 Gostaria de encontrar o Curupira. ehehe

    Resposta
  • 18/08/2017 em 23:33
    Permalink

    Caramba! Eu já sabia que Belém era linda, mas não imaginava o quanto!
    Curti demais seu relato e suas fotos, as dicas estão show

    Abçs!

    Resposta
  • 19/08/2017 em 01:12
    Permalink

    Muito legal os lugares que mostrou. Fotos incríveis e que me deixaram com uma vontade grande de conhecer pessoalmente. Adotado.

    Resposta
  • 15/11/2017 em 23:29
    Permalink

    Muito interessante saber que Belém possui parques tão lindos, não fazia ideia. Adorei o post, tenho muita vontade de conhecer Belém, e aqui eu encontrei ótimas dicas!

    Resposta
  • Pingback: Um dia em Belém, Pará. - Uma Viagem Diferente

  • 27/03/2019 em 10:04
    Permalink

    Adorei suas dicas de praças e parques em Belém do Pará, é uma cidade muito viva e que integra bem a natureza com o urbanismo, me surpreendeu bastante!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.