/Como solicitar o Certificado Internacional de Vacinação
certificado internacional de vacinação

Como solicitar o Certificado Internacional de Vacinação

Para viajar para alguns países, ter o passaporte em dia e a passagem não é o suficiente. Você sabia que, às vezes, é necessário apresentar na imigração o Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP)? Não vai querer perder a viagem? Vem com a gente que te mostramos o passo a passo para solicitar o seu!

O ideal, antes de toda viagem internacional é pesquisar neste site, as particularidades do país e conferir se você precisa, ou não, da obrigatoriedade do Certificado (CIVP).

Caso você nunca tenha tomado a vacina contra febre amarela, está é a primeira coisa que você deve fazer! Vá à algum posto de saúde, ou hospital, para tomar esta vacina. Para isso você só precisa estar com sua carteirinha de vacinação em mãos, um documento com foto e em alguns casos o cartão do SUS. A vacina é bem rápida e indolor.

Como emitir o Certificado Internacional de Vacinação

Há alguns Postos de Saúde que além de vacinar já emitem o Certificado. Não foi meu caso então deve-se fazer o seguinte:

Depois de tomar a vacina, deve-se fazer um cadastro no site Saúde do Viajante, um cadastro bem simples e rápido. Após o cadastro, dirigir-se a um dos postos da ANVISA com seu documento de identidade e a carteirinha de vacinação com os dados de lote da vacina tomada. A localização de todos os postos pode ser conferida aqui.

Eu fui ao posto localizado no interior do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo e meu CIVP ficou pronto na hora! Bem rápido mesmo!! (a partir de 2017 você deverá agendar pela internet a visita ao posto da ANVISA)

certificado internacional de vacinação.jpg
CIVP

Mas… Em alguns casos específicos, como pessoas que estão fazendo quimioterapia, radioterapia, mulheres grávidas, bebês com menos de 6 meses e intolerantes a ovo não podem tomar a vacina. Aí vem a pergunta: “Não vou conseguir viajar para locais que exigem o Certificado?” Fique tranquilo!

Fiquei sabendo que nestes casos acima a ANVISA emite um Certificado de Isenção de Vacinação. Para isto, basta apresentar, juntamente com seu documento, um atestado médico explicando o motivo pelo qual você não pode tomar a vacina. Pronto! Você consegue o seu Certificado também.

Uma dica: Se programe para não perder a viagem! A vacina SEMPRE deve ser tomada, no mínimo, com 10 dias de antecedência à viagem para ter efeito. Você pode ser barrado pela imigração por não ter dado o prazo de imunização, mesmo com o Certificado em mãos.  E fique tranquilo se a vacina der reação, como: dor de cabeça, febre, dor no corpo.

Se você já tirou o CIVP uma vez e não sabe onde guardou ou perdeu, basta ir a um dos postos da ANVISA e solicitar a segunda via. Lembre-se de levar os documentos.

Agora a vacina é tomada em dose única e o certificado é um documento vitalício!!! Só lembre-se de levar junto com o passaporte e viajar muitoooo!!!!

Bom essas são algumas dicas de como tirar o CIVP. Já tirou o seu? Precisou usá-lo ou teve problemas? Compartilhe conosco.

Até o próximo post

Diego Arena